Intermodal Digital faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Rastreamento na redução de custos no transporte de cargas

Article-Rastreamento na redução de custos no transporte de cargas

Rastreamento na redução de custos no transporte de cargas.jpg

O rastreamento eficiente de cargas reduz custos ao otimizar rotas, prevenir extravios e oferecer insights para melhorar a eficiência operacional. Veja as tecnologias úteis no rastreamento de transporte de cargas. Confira essas e outras informações em nosso artigo!

As empresas estão cada vez mais voltadas para a implementação de soluções tecnológicas avançadas, visando não apenas a eficiência operacional, mas também a maximização de resultados. Em meio a esse cenário, o rastreamento de cargas se destaca. Mas, como é feito o rastreamento de cargas?

Johnny Magalhães, professor-tutor dos cursos de Administração, Ciências Contábeis e Comércio Exterior do Centro Universitário Leonardo da Vinci (Uniasselvi), abordou sobre esse tema. Leia, a seguir!

O que é rastreamento de cargas?

O rastreamento do transporte de cargas representa um avanço tecnológico essencial, unindo o sistema de armazenamento de produtos às estratégias de gestão empresarial. Porém, como rastrear a carga?

Entre as ferramentas mais eficazes, destacam-se os softwares e os sistemas SaaS (Software as a Service). 

Por meio do rastreamento, é possível obter acesso instantâneo a informações cruciais sobre a frota, proporcionando dados valiosos para uma gestão mais eficaz. Isso resulta em um controle administrativo mais preciso e uma gestão de remessas mais eficiente. Na prática, esses sistemas registram detalhes sobre produtos, rotas, cargas e destinos, além de reunir informações sobre os motoristas em cada etapa da entrega.

Quais são as diferenças entre monitoramento e rastreamento de cargas?

O monitoramento e o rastreamento são formas de manter constante vigilância sobre  produtos durante seu transporte. O rastreamento possibilita à empresa saber exatamente onde se encontra cada remessa, conferindo-lhe um maior controle logístico e agilidade na gestão das operações de transporte. Já o monitoramento acompanha este trânsito para além da localização, permitindo que aspectos como o consumo de combustível e a quilometragem do veículo também sejam supervisionados, os sistemas rastreamento são aliados desses controles.  

E como funciona o rastreamento de caminhão? Com o emprego de tecnologias como GPS, sensores e câmeras para supervisionar fatores como localização, condições ambientais e integridade da carga. 

O principal propósito desse acompanhamento é assegurar a segurança de carga e a preservação das mercadorias, detectando quaisquer problemas ou desvios durante o percurso.

Enquanto o monitoramento permite vários tipos de outros acompanhamentos importantes para as empresas, incluindo outros pontos para além da localização dos veículos, entre eles:

  • Consumo de combustível;
  • Quilometragem;
  • Visualização por meio de mapas.

Tecnologias de rastreamento utilizadas na logística de transporte de cargas 

As tecnologias de rastreamento no transporte de cargas são essenciais para a eficiência e a gestão logística moderna. Segundo Magalhães, "é fundamental que os gestores da logística busquem conhecer como os dados e as informações podem ser utilizados em seus mais variados negócios". 

E quais são os tipos de sistemas de rastreamento? Entre as tecnologias destacadas pelo professor estão:

  • GPS (Sistema de Posicionamento Global): O GPS é uma tecnologia amplamente utilizada para rastrear a localização de veículos e cargas em tempo real. Os dispositivos GPS são instalados nos veículos e fornecem informações precisas sobre a posição geográfica em qualquer lugar do mundo.
  • ERP (Enterprise Resource Planning): esses sistemas, desenvolvidos nos anos 1990, integram e coordenam processos empresariais através de um software, garantindo a integridade do fluxo de informações;
  • WMS (Warehouse Management System): gerencia espaço físico, estocagem e mão de obra em centros de distribuição;
  • TMS (Transportation Management System): auxilia no planejamento, execução e monitoramento de atividades logísticas;
  • CRM (Customer Relationship Management): otimiza o processo de relacionamento com o cliente. Permite alcançar objetivos como identificar entregas qualificadas e fechar vendas de modo mais eficiente;
  • RFID (Radio Frequency Identification): utiliza etiquetas inteligentes para transmitir informações via ondas de rádio. É uma ferramenta que permite a leitura de múltiplos itens simultaneamente.
  • Sensores de temperatura e umidade: No transporte de cargas sensíveis, como produtos alimentícios ou farmacêuticos, são utilizados sensores de temperatura e umidade para monitorar as condições ambientais durante o trajeto. Esses sensores garantem que a carga seja mantida dentro dos parâmetros específicos de temperatura e umidade exigidos.
  • Sistemas de comunicação por satélite: Além do GPS, os sistemas de comunicação por satélite são utilizados para rastrear e monitorar veículos e cargas em áreas remotas ou onde o sinal de celular é fraco. Esses sistemas permitem a transmissão de dados e informações em tempo real, independentemente da localização geográfica.

Essas são apenas algumas das tecnologias de rastreamento mais comuns usadas. A escolha da tecnologia adequada depende das necessidades específicas de cada operação logística e do tipo de carga sendo transportada.

Quais as funções de um sistema de rastreamento?

Um sistema de rastreamento desempenha várias funções essenciais no transporte de cargas e segurança, incluindo:

  • Localização em tempo real: o sistema fornece informações precisas sobre a localização atual do veículo e da carga em tempo real, permitindo o monitoramento constante durante todo o trajeto;
  • Monitoramento da rota: permite acompanhar o percurso exato seguido pelo veículo, garantindo que esteja na rota planejada e identificando qualquer desvio ou rotação não autorizada;
  • Gestão da frota: facilita o gerenciamento eficiente da frota de veículos, permitindo acompanhar o desempenho de cada veículo, o uso de combustível, a manutenção e outras métricas importantes;
  • Segurança: ajuda a garantir a segurança da carga e dos motoristas, detectando quaisquer situações de risco, como roubo, violações de segurança ou emergências médicas, e permitindo uma resposta rápida;
  • Otimização logística: permite otimizar as operações logísticas, como o agendamento de entregas, a alocação de recursos e a roteirização, para garantir a eficiência e reduzir os custos operacionais;
  • Registro de dados: registra informações detalhadas sobre o transporte de carga, incluindo horários de partida e chegada, tempos de parada, velocidade do veículo, condições ambientais e muito mais, fornecendo dados valiosos para análise e tomada de decisões.

A importância do rastreamento no transporte de cargas

A importância do rastreamento no transporte de cargas é multifacetada e vital no cenário logístico atual. Como enfatizado por Magalhães, “o uso da tecnologia tem sido cada vez mais presente no dia a dia das empresas de logística", evidenciando que a inovação tecnológica é um pilar fundamental para o setor. 

Esse avanço tecnológico, de acordo com o professor, é essencial para empresas que buscam "melhorar a sua eficiência, reduzir os seus custos e proporcionar melhores condições para seus clientes".

O sistema de rastreamento, especialmente por meio do GPS, permite uma visibilidade em tempo real, sendo uma ferramenta relevante para a gestão eficaz de cargas. 

Como ressalta Magalhães, "o sistema de rastreamento do transporte de cargas permite que o usuário visualize em tempo real a localização do veículo". Essa transparência não beneficia apenas as empresas de logística, mas também os clientes, que podem acompanhar o progresso de suas mercadorias.

Além disso, a tecnologia de rastreamento de cargas vai além do simples acompanhamento de localização. Ela fornece "dados sobre a aceleração do veículo, quantidade e horários de abertura de portas, períodos de pausa do caminhão, bem como dados sobre a jornada de trabalho do motorista", diz o professor.

Por fim, o processo de rastreamento aprimora a comunicação com os clientes. Conforme Magalhães explica, muitas empresas "oferecem o serviço de envio de informações sobre as mercadorias em tempo real para o cliente, por meio de e-mail ou SMS, aumentando a confiança e a satisfação do cliente com o serviço prestado”.

Podemos então concluir essas e outras vantagens, que incluem:

  • Segurança de carga aprimorada: um sistema de rastreamento permite monitorar a localização em tempo real dos veículos e das cargas, o que ajuda a prevenir roubos, furtos e outras atividades criminosas. Isso aumenta a segurança tanto das mercadorias quanto dos motoristas;
  • Redução de riscos: ao monitorar o comportamento dos motoristas e o uso dos veículos, um sistema de rastreamento ajuda a identificar e mitigar comportamentos de risco, como excesso de velocidade, frenagens bruscas e rotas não autorizadas, reduzindo assim a probabilidade de acidentes;
  • Maior eficiência operacional: com o acompanhamento em tempo real dos veículos, é possível otimizar as rotas de entrega, minimizar tempos de espera e evitar atrasos, resultando em uma operação logística mais eficiente e produtiva;
  • Melhoria da gestão da frota: um sistema de rastreamento fornece dados detalhados sobre o desempenho de cada veículo, permitindo uma gestão mais eficaz da frota, incluindo manutenção preventiva, controle de combustível e programação de manutenções;
  • Melhor atendimento ao cliente: com informações precisas sobre o status das entregas, é possível fornecer atualizações em tempo real aos clientes, aumentando a transparência e a satisfação do cliente;
  • Conformidade regulatória: muitos setores têm regulamentações rigorosas sobre o transporte de cargas, como limites de velocidade e tempos de condução. Um sistema de rastreamento ajuda a garantir a conformidade com essas regulamentações, evitando multas e penalidades;
  • Redução de custos: ao otimizar as operações, evitar a perda de carga e reduzir o risco de acidentes, um sistema de rastreamento pode ajudar a reduzir os custos operacionais a longo prazo.

Tecnologias de rastreamento utilizadas no transporte de cargas.jpg

Impactos do rastreamento para a redução dos custos

Os impactos do rastreamento na redução de custos no transporte de cargas são significativos, especialmente no contexto das negociações entre empresas. 

Magalhães ressalta que: "A negociação sempre é um momento de grande tensão. É altamente recomendável que todos façam o máximo esforço para que ela seja bem-sucedida e possa garantir bons resultados para ambos". 

De acordo com o professor, a padronização logística facilita essas negociações globais, onde se destacam dois tipos principais de fretes: CIF e FOB. Ele explica que, a partir do rastreamento, as informações podem gerar insights de como escolher a melhor opção

Otimize sua operação logística e reduza custos com nosso sistema de rastreamento de cargas. Descubra como podemos ajudar a aumentar a eficiência da sua frota enquanto economiza tempo e dinheiro. 

Entre em contato conosco hoje mesmo para saber mais!

Intermodal South America 2024 está chegando repleta de lançamentos e novidades de intralogística! Vem aí também o INTERLOG SUMMIT, a união inédita de dois grandes congressos a tradicional Conferência Nacional de Logística e a primeira edição do Congresso Intermodal South America, novidade que fomentará discussões do setor de transporte internacional. Saiba mais e compre seu ingresso!

LEIA MAIS:

 
Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar